Redes Sociais na Terceira Idade: como a inclusão digital beneficia esse perfil de consumidor

Saúde financeira x Saúde mental: como equilibrar essa balança?
29 de setembro de 2021
O fim da margem extra do consignado
3 de novembro de 2021
Exibir tudo

Redes Sociais na Terceira Idade: como a inclusão digital beneficia esse perfil de consumidor

 

Chamar um idoso de desatualizado e velho já se tornou coisa do passado. Isso porque o uso das ferramentas tecnológicas e redes sociais na terceira idade tem sido algo cada vez mais corriqueiro.

O Brasil possui 37,7 milhões de pessoas com mais de 60 anos. Essa faixa etária possui um alto potencial de compra, além de serem responsáveis por uma renda anual que chega a R$ 243 bilhões de reais.

Segundo pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL/SPC) e Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), 97% dos idosos utilizam as redes sociais. 61% dos conectados utilizam a internet para se informar sobre política, economia e esportes. Além disso, 54% estão em busca de informações sobre marcas, produtos e serviços.

O levantamento ainda indica que o smartphone é a principal forma de acesso dos idosos às redes sociais. Mas uma porcentagem significativa deles utiliza um notebook (37%) ou desktop (36%) nas suas atividades diárias.

Esses dados revelam um impacto da pandemia no que tange o uso da tecnologia e redes sociais na terceira idade. A popularização de smartphones e o tempo ocioso em casa durante o lockdown provocaram um avanço na inclusão dos idosos nas mídias. Ou seja, agora ficou mais fácil se comunicar com os familiares, amigos e realizar compras através do e-commerce.

Hoje é possível ver não só usuários da internet com mais de 60 anos, como também acompanhar o trabalho de influenciadores digitais da terceira idade produzindo conteúdo online. Vale ressaltar ainda que o Brasil é o país que mais utiliza as redes sociais em todo o mundo.

Se interessou? Acompanhe a matéria!

 

A importância da redes sociais na terceira idade

O avanço tecnológico e novas ferramentas possibilitaram o acesso de pessoas mais velhas no ambiente digital. E as redes sociais na terceira idade são a porta de entrada para que isso ocorra de forma mais simples e rápida.

As mídias são ferramentas tecnológicas que auxiliam na socialização e no equilíbrio da saúde mental. Através delas, os idosos já podem compartilhar o dia a dia com pessoas próximas, conversar e conhecer gente nova. Eles se sentem incluídos na sociedade, mais perto dos seus familiares e mais auto suficientes.

Um fenômeno que ocorreu durante a pandemia, foi o aumento no número de idosos compartilhando um estilo de vida e fazendo publicidade em redes como Tik Tok e Instagram. Alguns são patrocinados por marcas e criaram uma rotina para utilizarem as mídias ao seu favor.

Ademais, de acordo com especialistas, o uso da internet pode ajudar a estimular a memória dos idosos e reduzir as chances de depressão. Além disso, as capacidades cognitivas são melhoradas significativamente.

Outro fator de inclusão é o desenvolvimento da internet das coisas. A interligação de equipamentos tem ajudado mais idosos a realizar tarefas do dia a dia com mais praticidade. Por exemplo, existem aparelhos, como pulseiras, que dão alertas quando o idoso passa mal ou está em situação de perigo.

 

Como se cadastrar nas principais redes sociais?

Agora que você já sabe a importância das redes sociais na terceira idade, vamos te dar um passo a passo para adentrar nesse universo. Confira a seguir:

 

Como abrir uma conta no Facebook?

Para criar uma conta nessa rede, você deverá:

1.    Acessar o site do Facebook;

2.    Inserir o seu nome;

3.    Em seguida, deverá colocar sua data de nascimento e celular;

4.    Escolha também o seu gênero;

5.    Por fim, escolha uma senha.

 

Vamos à próxima rede?

Como abrir uma conta no Instagram?

O processo para abrir uma conta no Instagram é muito simples. Basta:

1.    Baixe o aplicativo no seu celular;

2.    Clique em cadastre-se;

3.    Digite um endereço de e-mail e um nome de usuário;

4.    Por fim, escolha a sua senha.

 

Agora é só configurar a conta, preencher o perfil com suas informações e colocar uma foto bem bonita.

Como abrir uma conta no Youtube?

Para abrir uma conta no Youtube, você deverá:

1.    Acessar o Youtube.com;

2.    Clicar em “Criar Conta”, que está dentro do link de “Fazer Login”;

3.    Preencha as informações pessoais;

4.    Agora você poderá publicar o seu conteúdo para milhares de pessoas.

Vale salientar que é possível monetizar utilizando o Youtube. Basta estar de acordo com as diretrizes da plataforma para começar a ganhar dinheiro. Confira a seguir algumas dicas de segurança que serão fundamentais nesse processo inicial de imersão na internet.

 

4 dicas de segurança na internet

Como é possível observar, a internet proporciona um mar de vantagens para o idoso. Mas é preciso ter cuidado com a segurança quando se usa as redes sociais na terceira Idade. Por isso, listamos algumas dicas importantes para se proteger de cibercriminosos e fraudes.

 

1 – Cuidado com as senhas

Evite criar senhas fáceis, como data de nascimento e dê preferência a símbolos variados. Além disso, não compartilhe suas senhas com ninguém.

2 – Cuidado com o compartilhamento de coisas pessoais

Lembre-se que a internet é um local livre, de domínio público e possui pessoas de todos os tipos. Por isso, evite se expor ou postar fotos, vídeos ou outras coisas que precise apagar depois. Utilize as redes para se comunicar.

3 – Compre em sites confiáveis

A internet possui uma infinidade de lojas online, que podem facilitar a compra e o pagamento num clique. Porém, fique atento e busque informações sobre o local. Veja a reputação do negócio, os comentários dos clientes e sobretudo as reclamações.

4 – Não abra e-mails estranhos ou links desconhecidos

Uma das melhores formas de roubar os dados das pessoas é enviar e-mails com links falsos. Por isso, se suspeitar que o link que você recebeu não é confiável, não clique de forma alguma. Se for o caso, chame alguém para te ajudar a identificar se o e-mail é um spam ou não.

 

Por fim, vale mencionar que é muito importante que os idosos tenham cuidado com ofertas mirabolantes e soluções rápidas nas redes sociais. Sobretudo quando se trata de dinheiro e empréstimos, essa atenção deve ser redobrada.

Existem muitos criminosos aguardando a primeira oportunidade para enganar essas pessoas. Por isso, antes de fazer qualquer transação na internet, é fundamental conhecer bem a empresa que está anunciando algo.

Então, se estiver em busca de um crédito consignado, entre em contato com uma agência confiável, como a CredExpress. Converse com os consultores e tire todas as suas dúvidas sobre esse assunto.

 

Quer saber mais?

Chama a gente e nós te ajudamos: bit.ly/dincred

Simule grátis em simular.credexpress.com.br

Credexpress – Feita para você. Feita para todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *